Onde limite é a virgula e não o ponto.


Todas Estações

12/12/2014 12:13

Todas Estações

 

vida passageira

do corpo

que passa

 

(entre

primaveras)

dorme

outonos

chora

Invernos

sorri

verões

 

vida passageira

dos botões

que desabrocham

 

logo desembarcará

na estação terminal

acenando pétalas

despedidas

no despetalar 

do corpo

que passa

 
 
Maurício de Carvalho Gervazoni
Imagem: Nandex Ramus
Mais: http://www.sem-fronteiras.net/news/o-sapo-e-a-lua/
 
 
 

—————

Voltar



Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!